Amplie a capacidade de sua rede óptica sem perder qualidade

Em 2019, acompanhamos um crescimento sem precedentes do percentual de domicílios brasileiros com acesso a internet, e também da presença de provedores regionais no mercado. De acordo com dados da Anatel, 83% dos novos acessos à internet estão ligados a esses provedores, que já ultrapassam as grandes operadoras em quantidade de conexões por fibra óptica realizadas por clientes, angariando 56,25% do mercado. Isso representa mudanças consideráveis para o setor.

A internet já é uma prioridade na vida dos brasileiros. Os hábitos de consumo estão mudando, e é importante estar atento ao que isso significa. O Brasil é um país continental e essa dimensão de território ainda não consegue ser plenamente atendida pelas grandes operadoras. Isso cria espaço para o crescimento do empreendedorismo local e oportunidades que vão desde o acesso doméstico, à implementação de internet rural e tecnologias ligadas a Internet das Coisas (IoT).

No entanto, para aproveitar as chances é preciso preparo. Sem atender às demandas básicas de uma boa implementação de rede via fibra, não será possível avançar para o que prometem as tecnologias do mercado em 2020.

É hora de seguir em frente

Algumas práticas iniciais podem ajudar no preparo para o crescimento do negócio. Sempre estudar o mercado e estar de olho na concorrência; se adequar às exigências legais para que a empresa funcione da melhor forma e com segurança; investir em um sistema de gestão para oferecer qualidade e estabilidade aos clientes, e em formação para administrar esses dados; padronização dos serviço; e metas de expansão, que exigem uma gestão financeira adequada, estratégias de marketing e estrutura consistente para tal.

Tudo isso colabora em diferentes estágios do negócio para que o provedor consiga ampliar a capacidade de sua rede óptica com qualidade. No entanto, iremos focar aqui em como garantir que no momento de expansão exista o planejamento necessário para não comprometer a qualidade dos serviços.

Gerenciamento é a chave

É importante não confundir o aceleramento da expansão de acesso a internet no Brasil com qualidade e satisfação com os serviços disponíveis. Não adianta ter uma rede ampla se não se garante um sinal estável, sem interrupções e lentidão para o cliente. E quanto mais avança a demanda por redes que suportem tecnologias como a ultradefinição, IoT, sistemas de inteligência artificial etc, mais os provedores devem dar importância ao uso de equipamentos de alta performance, monitoramento de infraestrutura e um gerenciamento de rede eficiente. Não se planejar pode colocar em risco não só a permanência dos clientes, mas da própria empresa no mercado atual.

Primeiramente, ter um projeto de rede bem feito e estruturado desde o início é fundamental para o provedor regional. Ele adianta a existência de erros, mantém organizadas as informações completas de todas as conexões e emendas ópticas, otimiza a capacidade dos ativos da rede, consegue administrar ativos e passivos, entende melhor a área de atendimento do provedor, o que resulta em satisfação dos clientes, e facilita a manutenção da rede e sua expansão.

Tanto para estruturar seu projeto de rede, quanto para gerenciar e mapear a rede desde o princípio, conte com um software eficiente e atualizado. O nível de detalhe disponível e o meio de armazenamento das informações sobre sua rede de fibra óptica são fatores que devem ser sempre levados em conta. Um armazenamento online garante que tudo esteja sempre acessível, com cópias de segurança distribuídas instantânea e geograficamente, fáceis de usar, com controles de acesso e facilidade para compartilhar informações. É para onde está indo tudo que é importante para os negócios, e isso não é diferente com os ISPs. Considerando o contexto de evolução de Big Data e Inteligência Artificial, cada vez mais inseridos no auxílio às decisões do dia a dia, ter um software capaz de responder e se comunicar com outros sistemas é estar preparado. Mais do que isso, é entender que se torna apenas uma questão de tempo. Quando se pensa em expandir e ampliar a capacidade de sua rede óptica com qualidade, organizá-la por um meio de armazenamento adequado será inevitável.

Uma rede mapeada com eficiência e processos bem documentados desde o início é um fator determinante para que seu provedor se destaque e possa crescer ainda mais em 2020. Para aproveitar as oportunidades, é preciso estar pronto para elas. Conheça a solução do OZmap para mapeamento e gerenciamento de rede óptica e comece agora mesmo!

gostou desse texto? aproveite para assinar nossa newsletter e receber as melhores dicas sobre gestão para provedores direto por email!

[mc4wp_form id="2474"]

Uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *