Onde investir para ter um provedor competitivo?

As oportunidades no setor de ISPs vem crescendo a um ritmo acelerado desde 2020. Os provedores regionais ganharam milhões de novos acessos apenas no último ano, e já representam boa parte do mercado de internet fixa no país. Para manter um crescimento consistente e se tornar mais competitivo na operação, é importante para os provedores estratégia e boa gestão. 

Não é preciso pressionar o caixa para acelerar o crescimento. Em termos de software e gestão, existem dois fatores que podem trazer um diferencial enorme ao seu provedor de internet: utilizar bem as informações e entender os processos da empresa.

Existe muita informação dentro do provedor

Mas sem organização e análise de dados, isso é pouco aproveitado.

Cuidar bem das informações que possui é fundamental para o sucesso de qualquer empresa. E com o provedor de internet não é diferente.

Para citar um exemplo prático, podemos falar sobre vendas, mais especificamente a parte de CRM nos ISPs. É comum o caso do provedor que recebe a ligação de um potencial cliente, sabe o seu nome, localização, o que ele quer, e ao descobrir que não pode atender naquela localidade, não guarda aquelas dados. Dois meses depois, o provedor expande sua rede e poderia voltar a fazer contato para atender aquele cliente, obtendo uma venda extremamente barata. No entanto, pela falta de organização, ele pode acabar contratando uma equipe de vendas para bater de porta em porta por um dado que já estava em suas mãos.

Reaproveitar e saber cuidar desse tipo de informação é um grande diferencial. 

Entender processos e automatizar

Outro ponto chave é entender bem os processos que ocorrem dentro da empresa, e uma vez entendido, automatizar. Os BIs também servem para melhorar a gestão entre todos os sistemas utilizados.

O futuro de muitas empresas, incluindo dentro do mercado de telecomunicações, é o da integração, e investir nesse setor também pode agregar muito ao crescimento do provedor de internet. Existem diversas ferramentas boas no mercado, que em sua maioria trabalham entre si via APIs, e não é necessário que o provedor desenvolva tudo internamente. Exemplificando, pode aparecer uma solução que permite realizar vendas direto pelo seu site, e você gostaria que ela funcionasse em conjunto a um ERP ou CRM específico. Não faz sentido contratar alguém para desenvolver algo próximo, afinal todos os mais de 10 mil provedores de internet do país tem problemas semelhantes, e um parceiro especializado entregará resultados mais eficientes e econômicos. Manter um setor de integração para garantir o bom entendimento dos processos e seu funcionamento faz muito mais sentido. E permite, além de automatizar, dar escalabilidade conforme o crescimento do ISP.

Então: reaproveitar esse tipo de coisa, cuidar bem das informações, criar BIs com todos os sistemas que você tem pra melhorar a gestão, isso é o como ganhar competitividade sem gastar rios de dinheiro.

Se quiser saber mais sobre gestão da rede óptica e soluções que podem ajudar seu provedor, indicamos conhecer um pouco mais sobre os recursos do OZmap.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *