Criação e Controle da Rede Online

Informações sobre uma rede de fibra óptica sempre vão existir.

O que varia é seu nível de detalhe e meio de armazenamento.

O nível de detalhe pode ir desde saber aproximadamente onde passa um cabo de backbone até ter o caminho completo, uma porta PON, passando por cabos, postes, caixas, fusões, splitters, assinantes. Tudo isso geo-referenciado e organizado de forma encadeada (quem se liga a quem, onde, como).

O nível de detalhamento muitas vezes é relacionado com o tamanho de uma empresa. Ver empresas de tamanho pequeno iniciando sua rede do zero muito bem documentada e ver empresas grandes fazendo um grande esforço para correr atrás do tempo perdido para aumentar o nível de detalhamento de suas informações nos ensinou que isso se trata muito mais de maturidade do que de tamanho.

Quanto aos meios de armazenamento, o céu é o limite para a criatividade, mas no final tudo se resume a quatro grandes grupos:

Mental

Vimos o caso clássico em que uma pessoa “conhece” “de cabeça” a rede toda.
Este seria o melhor meio, se esta pessoa estivesse sempre disponível, tivesse uma capacidade mental ilimitada, nunca errasse e nunca tivesse ambições de fazer coisas novas e maiores.
Se estivesse sempre de bom humor seria um bônus interessante.

Digital

O auge… em 1990. Ter informações em formato digital realmente ajuda muito. Tornou-se tão fácil e prático ter informações em formato digital que isso acabou gerando um mini-caos.
Vários sistemas cada um com um pedaço de informação e várias cópias da informação cada um com uma versão diferente. A informação está disponível, fácil de acessar, mas já não tão confiável justamente pela facilidade de criação e disseminação.

Papel

O bom e velho papel. Ele aceita tudo, quem não gosta?
É simples criar e controlar quem pode ter acesso. Infelizmente não é possível espalhar a informação quando necessário, é complicado de manter cópias de segurança e quando se pergunta algo para o papel ele se cala.

Online

Sistemas de informação online é onde estão (ou para onde vão mais cedo ou mais tarde) tudo que é importante para os nossos negócios.
Sempre acessível, com cópias de segurança distribuídas instantânea e geograficamente, fáceis de usar, com controles de acesso, com facilidade para compartilhar (e não copiar!) informações.
Mas o mais importante de tudo: capaz de responder. E não só responder perguntas que pessoas fazem, mas perguntas que outros sistemas fazem. E isso é importante não só para integração entre sistemas, mas por causa da revolução que estamos vivendo, onde Big Data e Inteligência artificial irão auxiliar nas nossas decisões de negócio do dia a dia. É bom estar preparado pois se isso ainda não faz parte do seu dia a dia, fará em breve.
O nível de detalhamento até pode ser discutível, mas o meio de armazenamento não é mais. É apenas uma questão de tempo até a adoção de um meio de armazenamento adequado. Quanto maior, mais importante isso vai se tornando, e, ao mesmo tempo, mais pesado organizar o legado. Mas é um fato. Precisará ser feito.
Então, por que postergar?