Entenda a importância da computação em nuvem para o Provedor de Internet

O Cloud Computing, ou computação em nuvem, é tão comum atualmente que todos nós já ouvimos falar de alguma forma. Especialmente os provedores de internet regionais, que devem cada vez mais estreitar relações com a utilização da nuvem em seus negócios. Cloud é a disponibilidade através da internet de recursos computacionais como o armazenamento e a capacidade de processamento. Ele é utilizado diariamente por diversos tipos de empresas, que utilizam a nuvem para armazenamento de dados, emails, desenvolvimento, análise de big datas, apps web, etc. ​

No caso dos provedores regionais, a utilização da nuvem é vantajosa em vários sentidos. Essa é a melhor alternativa de otimização para se manter competitivo frente às grandes operadoras, entregando um serviço de qualidade e ao mesmo tempo sustentável.

cabos de internet

Entre as principais características do Cloud Computing, estão:

Agilidade

oferecendo de forma fácil e rápida uma grande variedade de tecnologias para atender as mais diversas necessidades.

economia

afinal a cloud diminui os custos com datacenters, servidores físicos, licenças, mão de obra, e outros fatores que eram necessários para o funcionamento adequado de empresas e projetos. E também permite pagar apenas pelos recursos consumidos.

elasticidade

pois não existe a preocupação em provisionar recursos para atender a momentos de pico ou maior demanda de um serviço ou projeto, uma vez que os serviços de cloud se adequam e provisionam apenas o que for necessário.

logística

pois permite implementar qualquer tipo de atividade computacional sem se preocupar com distância dos servidores, ping, localização e afins.

E ainda apresenta vantagens como segurança e disponibilidade das informações e aplicações.
notebook

Dentro de um ISP, a nuvem possibilita a manutenção de uma infraestrutura de alta disponibilidade. Para um mercado que se encontra em constante expansão, é necessária uma tecnologia que atenda às necessidades de públicos-alvo variados. Oferecer os serviços de cloud computing aos clientes é o caminho para ao mesmo tempo se diferenciar, e não perder para a concorrência por conectividade.

Outro ponto importante é que a nuvem ainda é a alternativa mais viável economicamente para que o provedor tenha uma infraestrutura de armazenamento de acordo com a legislação. A lei do marco civil da internet torna obrigatório o armazenamento de logs por pelo menos um ano, e o cloud computing faz com que isso caiba no orçamento.
Como pontuado anteriormente, não se tem a necessidade de adquirir uma infraestrutura própria, com custos de manutenção, e os recursos necessários podem ser alocados conforme a demanda e à medida que o volume de dados crescer. Compra-se apenas o que precisa, sem desperdiçar dinheiro em equipamentos subutilizados. E o consumidor final passa a ter uma melhor experiência devido à baixa latência.

Apesar de terem saído na frente, com uma grande tendência a buscar a inovação, os provedores regionais ainda tem grandes desafios por vir. Mesmo com o momento de crise econômica, o mercado de telecomunicações continua se expandindo. E esse é o momento de planejar o crescimento de forma inteligente.

manutençao em cabos de energia

O primeiro passo nessa jornada é encontrar parceiros que forneçam os serviços em nuvem que possam ser incorporados como soluções de valor agregado. Isso passa por hardware, software e serviços, com suporte e monitoramento. Com a entrega de serviços que agregam valor, o provedor tem um impacto positivo na receita e na margem. Dois pontos que agora, mais do que nunca, são fundamentais de se preservar.

Ter o maior número de informações detalhadas sobre a sua rede, em um armazenamento seguro, é também um passo fundamental. Como visto, os sistemas de informação online, de armazenamento em nuvem, é onde está ou pra onde irá mais cedo ou mais tarde tudo que é importante para o seu negócio. Algumas vantagens de se adotar esse sistema estão em: ter dados sempre acessíveis, com cópias de segurança distribuídas instantânea e geograficamente, fácil de usar, com controles de acesso e facilidade para compartilhar informações, e acima de tudo, capaz de responder com agilidade a pessoas e a outros sistemas.


Cada vez mais a computação em nuvem faz parte do cotidiano do usuário comum e das empresas. Decisões de negócio são auxiliadas por Big Data e IA, e em breve esse será o principal caminho. Tudo é questão de tempo. E para os provedores em expansão, não existe sentido em postergar a adoção de um meio de armazenamento adequado. Quanto maior se tornar, mais difícil será o processo de organização e migração.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *