What3words e o futuro do georreferenciamento​

What3words e o futuro do georreferenciamento

Já imaginou se localizar em qualquer lugar do mundo sem depender de endereços incertos, números de latitude e longitude ou códigos complicados? Pois saiba que essa solução já existe. E apresenta uma perspectiva transformadora para o futuro do georreferenciamento.

O what3words é um sistema de localização que tem o intuito de simplificar os endereços físicos ao redor do mundo, a partir da criação de um padrão de localização baseado em três palavras. Seria uma versão mais simples e fácil de usar das coordenadas GPS (sistema de posicionamento global).

O W3W dividiu o mundo em 57 trilhões de quadrados de três por três metros e atribuiu a cada um deles um endereço único de três palavras, ao invés de numerado. Além de facilitar a navegação, essa ferramenta possibilita que um enorme setor da população mundial (75% de 135 países, segundo a ONU) que possui endereços inadequados ou muito complicados, consiga ter acesso a serviços básicos como a entrega de correspondências. Também é uma solução que pode auxiliar serviços de emergência, como já vem sendo feito no Reino Unido¹.

Com uma solução como essa, todas as pessoas do mundo, não importa onde vivam, tem um endereço que as localiza.

Alguns desafios

Claro que alguns obstáculos se colocam à frente do what3words no que diz respeito a tornar-se um novo padrão mundial para as tecnologias de transporte, viagens e negócios. Métodos tradicionais de navegação ainda funcionam relativamente bem. E o que parece ser o maior dilema por hora: a natureza rigorosa dos sistemas de endereço em muitos lugares. Um sistema como esse só funcionaria em larga escala se todos mudassem para ele.

Claro que com algumas companhias essa troca seria mais ágil do que com outras. É possível enxergar a FedEx adotando o sistema com certa facilidade, diferente dos Correios ou empresas de logística governamentais tradicionais e rigidamente estruturadas. De qualquer forma, a ideia do W3W permanece interessante. E nunca se sabe o que o futuro reserva – ou como o serviço poderá solucionar e superar esses obstáculos.

Como a ideia do what3words se relaciona com o mapeamento de rede?

Bom, basta imaginar como seria fácil realizar uma consulta de viabilidade com seu cliente tendo que utilizar apenas 3 palavras. Além da exatidão que um sistema baseado nas coordenadas GPS oferece, localizar com facilidade o quadrado exato onde quer-se colocar o cliente permitiria soluções muito mais práticas e poderosas.

Como outras regiões do mundo, Brasil e América Latina são locais que possuem um alto índice de endereços irregulares ou pouco assertivos pelos sistemas padrão. Nesse sentido, as possibilidades que o surgimento de soluções como essa trazem quanto ao georreferenciamento para ISP’s localizados nesses lugares são bastante promissoras.

gostou desse texto? aproveite para assinar nossa newsletter e receber as melhores dicas sobre gestão para provedores!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *